Latin America and Caribbean

Diretrizes para contribuições ao WorldCat

Essas Diretrizes foram criadas para auxiliar instituições-membro da OCLC a interpretar o documento do Conselho Global intitulado, "Princípios de Cooperação do WorldCat" e ao usar o documento "Direitos e Responsabilidades do WorldCat perante a Cooperativa OCLC." Eles foram aprovados pelo Conselho Global em sua reunião de junho de 2011.

1. "Bibliotecas-membro comprometem-se a contribuir com todas as informações de metadados e acervos atuais da OCLC, que representam itens em suas coleções."

Muitas bibliotecas questionam o que isso significa para elas. A maioria não hesita em adicionar metadados e acervos de suas coleções físicas mantidos em seus prédios, mas questionam se deveriam incluir os metadados de outros tipos de material, incluindo recursos eletrônicos. A seguir, alguns exemplos para ajudar a decidir quando adicionar ou não informações de metadados e acervos ao WorldCat.

As bibliotecas-membro são incentivadas a adicionar o seguinte ao WorldCat:

  • Coleções físicas

    Se o material fizer parte da sua coleção permanente e aparecer em seu catálogo, os metadados e acervos devem aparecer no WorldCat. O item não tem que ser classificado para se qualificar para inclusão no WorldCat; muitas bibliotecas somente atribuem números de acesso a alguns tipos de material mas, ainda assim, catalogam e consideram esse material como parte da sua coleção permanente.
  • Recursos eletrônicos

    Os metadados e acervos de livros (e-books), periódicos e outros recursos (como sites da Web) em formato eletrônico devem ser incluídos no WorldCat. A disponibilidade de metadados e acervos pode facilitar a conexão de usuários ao conteúdo por meio de serviços como a base de conhecimento do WorldCat. Esta inclusão não indica necessariamente a capacidade de emprestar esse material ou usá-lo para atender a solicitações de empréstimo entre bibliotecas, pois muitos contratos de licença não permitem tal uso.
  • Coleções especiais ou materiais históricos locais

    Frequentemente, coleções especiais ou materiais locais não são incluídos no WorldCat por haver a impressão de que não há interesse neles em nível internacional. Entretanto, a inclusão desse materiais, que cada vez mais são representados por substitutos digitais, pode ser uma das contribuições mais ricas feitas ao WorldCat. Por exemplo, o uso do WorldCat Digital Collection Gateway pode facilitar a contribuição e a manutenção de metadados desses objetos digitais, além dos materiais arquivados em repositórios institucionais.
  • Material que a biblioteca não deseja emprestar

    A inclusão de metadados e acervos no WorldCat não obriga nenhuma biblioteca a emprestar os materiais. Ela apenas confirma que possui uma cópia do material. Muitos

    usuários que utilizam o WorldCat terão interesse em saber que os materiais se encontram em uma biblioteca próxima, para onde eles podem se deslocar para utilizá-los. O conhecimento é disseminado com a inclusão de materiais raros no WorldCat, mesmo se a biblioteca do acervo não tiver intenção de emprestá-lo. O público acadêmico geralmente está disposto a se deslocar por distâncias consideráveis para ter o privilégio de examinar material raro no local.

As bibliotecas-membro não necessitam adicionar o seguinte ao WorldCat:

  • Material de reserva

    Bibliotecas acadêmicas adotam uma prática comum de catalogação temporária de itens que não fazem parte de suas coleções para reservá-los para uma aula. Geralmente, são cópias pessoais de livros ou vídeos de propriedade do professor que solicitou que fossem reservados. Esses itens, devido à natureza temporária, não precisam ser incluídos no WorldCat.
  • Materiais proprietários

    Bibliotecas corporativas podem não desejar mostrar a aquisição ou posse de material específico porque sua presença apontaria um interesse confidencial atual ou o desenvolvimento de novos produtos competitivos.
  • Documentos do governo federal dos EUA

    Após a discussão pelo Conselho de usuários em 1995, documentos do governo federal dos EUA, mesmo que tenham sido catalogados e classificados, foram identificados como uma exceção legítima da obrigatoriedade de adicionar ao WorldCat o acervo de toda a catalogação em ordem alfabética. As instituições-membro são incentivadas a incluí-los em suas contribuições ao WorldCat, para aumentar a visibilidade e o gerenciamento cooperativo de coleção desses recursos.
  • Coleções de aluguel

    As bibliotecas-membro podem não investir na catalogação de coleções de aluguel ou arrendamento (por exemplo, McNaughton) por causa do estado temporário dessas coleções no seu catálogo local. Portanto, acervos que não contribuam para o WorldCat seriam uma exclusão aceitável.

Embora a adição de metadados e acervos desses materiais não seja necessária, as instituições-membro são incentivadas a incluí-los no WorldCat, caso as circunstâncias e recursos permitam, para refletir o acervo completo da instituição. Sua inclusão pode ser necessária para o uso eficaz de alguns serviços e produtos da OCLC.

2. "Os membros se comprometem a criar registros bibliográficos e dados relacionados em conformidade com as diretrizes estabelecidas mantidas pela OCLC e seus grupos consultivos para inserir informações nos registros do WorldCat."

O WorldCat se tornou o catálogo on-line internacional que ajuda os membros da OCLC a compartilhar recursos, reduzir custos e aumentar a sua visibilidade e impacto nas comunidades que servem. Os registros do WorldCat devem atender a diversas finalidades, desde a seleção até a descoberta, e vários públicos, de pesquisadores especializados e equipes de bibliotecas a usuários da Web em geral. A OCLC reconhece que nem todas as bibliotecas-membro seguem os mesmos padrões e políticas de catalogação. Os usuários de catalogação on-line que seguem os padrões anglo-americanos de catalogação devem seguir os Padrões e Formatos Bibliográficos, 4ª edição, como um guia para a criação e manutenção de registros. As instituições-membro que usam outros padrões de catalogação devem identificar as regras de catalogação, terminologias, esquemas de classificação e idioma da catalogação nos registros com os quais contribuírem para o WorldCat. Essas instituições-membro devem também estar familiarizadas com as informações gerais sobre o WorldCat encontradas em Bibliographic Formats and Standards (Padrões e Formatos Bibliográficos, em inglês), 4ª edição, Capítulos 1 a 5. A catalogação de nível Mínimo e de nível Abreviado, e outras diretrizes de catalogação menos que integral, são normas aceitas e opcionais para registros mais resumidos.

Adotado pelo Conselho Global da OCLC em 16 de junho de 2011.

Somos uma cooperativa mundial de bibliotecas mantida, administrada e de propriedade de nossos membros desde 1967. Nossa finalidade pública é uma declaração de compromisso mútuo — que vamos trabalhar juntos para melhorar o acesso às informações contidas em bibliotecas de todo o mundo, e encontrar formas de reduzir os custos para as bibliotecas por meio da colaboração. Saiba mais »