Latin America and Caribbean

Sobre as Estatísticas globais de bibliotecas

Os funcionários das bibliotecas OCLC extraíram dados de fontes de terceiros respeitadas, tanto eletrônicas quanto impressas, que na sua avaliação são as fontes mais atuais e precisas às quais têm acesso. Para muitos países, não havia dados disponíveis (indicados nas tabelas como ND) ou somente havia dados esporádicos. Além disso, para grande parte do mundo, os dados não eram tão atuais quanto os compiladores desejavam. Muitas das fontes impressas eram bastante antigas e vários sites não eram muito confiáveis. No caso do World Guide to Libraries, por exemplo, os dados foram tabulados manualmente por não terem sido publicados os totais. No entanto, considerou-se que ter um panorama razoavelmente recente era melhor do que não ter nenhum, e a data limite foi o ano de 1980, aproximadamente. Os funcionários das bibliotecas OCLC tiveram que determinar qual das fontes, que às vezes eram muitas, era a mais confiável quanto à precisão e atualidade. Raramente os dados de duas ou mais fontes coincidiam em relação ao mesmo ano.

A decisão de registrar ou não os dados de uma região independente ou de um território dependente foi determinada pela maneira como os dados estavam relatados nas fontes de dados. Por exemplo, a Tasmânia é representada em conjunto com a Austrália, mas Porto Rico é representado individualmente.

Para fins de uniformidade, o número total de bibliotecas representa as unidades administrativas e não os pontos de serviço, considerando que nem todas as fontes informam os pontos de serviço de forma consistente. Algumas das entradas de países não especificavam de qual unidade estavam tratando; nesse caso, foi presumido que era de unidades administrativas.

Quanto às unidades monetárias das despesas, considerando que a maioria das fontes informou-as em sua moeda local ou em euros, elas foram convertidas em dólares pelo câmbio do último dia do ano do dado da fonte. A dificuldade de obter o panorama de despesas foi exacerbada consideravelmente pelo fato de que foram relatadas em muito poucas fontes. Em muitos países, as despesas de bibliotecas são de domínio público e, por isso, seus orçamentos são incluídos nos de outros ministérios ou agências, como os de educação ou cultura.

Em alguns países, a distinção entre categorias não era clara; por exemplo, bibliotecas de escolas nos Estados Unidos são as de ensino fundamental e médio, enquanto em outros países incluem faculdades ou instituições de ensino técnico e profissional. Bibliotecas eclesiásticas e de grandes institutos de pesquisa foram incluídas na categoria bibliotecas especiais.

Nas poucas ocorrências em que a data dos dados da fonte não era clara ou era desconhecida, foi usada a data de compilação ou publicação.

Em geral, os dados foram atualizados no mapa mundial à medida que foram atualizados pelas fontes.

Em decorrência desses problemas, é possível que o panorama represente totais globais subestimados em todas as categorias; podem existir outras fontes mais atualizadas e precisas que os compiladores não conheçam. Se você conhece ou pode recomendar fontes adicionais, entre em contato conosco.